Quinta, 22 de Abril de 2021 16:55
11 11 99843-7541
21°

Muitas nuvens

São Bernardo do Campo - SP

Dólar com.

R$ 5,45

Euro

R$ 6,54

Peso Arg.

R$ 0,06

Notícias Municipais GCM

Ação bem-sucedida da Guarda Civil Municipal de São Bernardo detém 158 pessoas e apreende 13 veículos

Jovens foram detidos após flagrante de festa clandestina em chácara às margens da Represa Billings; evento ocorreu em meio à pior fase da pandemia

15/03/2021 21h20
19
Por: Redação Fonte: PMSBC
PMSBC
PMSBC

Em mais uma ação bem-sucedida para enfrentamento da pandemia da Covid-19, a Guarda Civil Municipal de São Bernardo deteve 158 pessoas e apreendeu 13 veículos, na noite desta quarta-feira (10/03), após o encerramento de uma festa clandestina realizada numa chácara, às margens da Represa Billings, na região do Riacho Grande. O local, situado na Estrada do Hawai, foi lacrado pelas equipes de fiscalização da Prefeitura após desrespeito às normas sanitárias previstas nos decretos municipais e na Fase Vermelha do Plano São Paulo.

Chamado de "Quarta Loka", o evento foi descoberto pela equipe de inteligência da Guarda Civil Municipal através de postagens feitas em redes sociais e denúncias anônimas. Cerca de 500 pessoas chegaram a estar presentes no evento, confraternizando com a presença de carros de som, distribuição livre de bebidas alcoólica, sem qualquer distanciamento social, máscara ou adoção de medidas de caráter preventivo para combater a disseminação do Coronavírus. A festa reunia ainda gestante e crianças de colo.

Com apoio de barcos da Guarda Ambiental de São Bernardo, as equipes da Prefeitura interromperam a festa, por volta das 16h. Após a Polícia Civil ser acionada e realizar perícia no local, a chácara foi lacrada pelas equipes da Prefeitura, com instalação de barreiras físicas, enquanto 158 pessoas que estavam no evento durante o flagrante foram detidas e encaminhadas à sede do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic). A ação contou com apoio de seis ônibus para transporte dos envolvidos, além do Batalhão de Ações Especiais da Polícia (Baep) para comboio de 80 veículos, inclusive, modelos de luxo. Deste total, 13 foram apreendidos por irregularidades diversas, como falta de licenciamento e ausência de condutor com habilitação.

O flagrante da festa irregular ocorreu no mesmo dia em que o Brasil registrou 2.349 mortes pela Covid-19, o maior número desde o começo da pandemia, totalizando 270.917 óbitos. Ontem, São Bernardo alcançou a triste marca de 92% de ocupação nos leitos de UTI Adulto.

"Situações como a registrada nesta festa são inadmissíveis no atual momento que estamos da pandemia. Enquanto milhares de pessoas lutam pela vida, num momento em que o sistema de Saúde está à beira do colapso, ver cenas como essas são lamentáveis. Por esse motivo, não mediremos esforços para combater e punir essas irresponsabilidades e seus autores, como ocorreu nesta ação bem-sucedida da Guarda Civil Municipal de São Bernardo", afirmou o prefeito Orlando Morando.

Todos os envolvidos na festa irregular foram enquadrados no artigo 268 do Código Penal Brasileiro, que tipifica o crime de desobediência à determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa. Embora a pena máxima pelo crime seja de até dois anos, por tratar-se de pena de menor potencial ofensivo, os envolvidos assinaram termo circunstanciado, assumindo o compromisso de comparecer ao juizado especial criminal em data oportuna.

"Vamos seguir com fiscalização constante pelas ruas da cidade para evitar mais episódios lamentáveis como este", pontuou o secretário de Segurança Urbana, Coronel Carlos Alberto dos Santos.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.