Terça, 09 de Março de 2021 03:44
11 11 99843-7541
17°

Muitas nuvens

São Bernardo do Campo - SP

Dólar com.

R$ 5,78

Euro

R$ 6,85

Peso Arg.

R$ 0,06

Geral Refeição garantida

Cartão Merenda continua durante as férias escolares em São Bernardo

Projeto de autoria do prefeito Orlando Morando assegura beneficio de R$ 85 mensais para alunos matriculados e também para os que concluíram os estudos na rede municipal em 2020

08/02/2021 12h43
17
Por: Redação
Cartão Merenda continua durante as férias escolares em São Bernardo

A Prefeitura de São Bernardo manterá a recarga do Cartão Merenda, benefício emergencial criado durante a pandemia causada pelo Coronavírus para garantir a assistência alimentar dos 82 mil alunos da rede municipal de ensino, durante o período de férias e recesso escolar. O Projeto de Lei de autoria do Executivo, que garante a recarga do cartão no mês de fevereiro, no valor de R$ 85, foi aprovado por unanimidade (26 votos favoráveis e nenhum contrário) na Câmara municipal nesta quarta-feira (3/2).

Conforme o Projeto de Lei, que será sancionado pelo prefeito Orlando Morando, fica autorizado o fornecimento de alimentação escolar por meio do Cartão Merenda aos alunos regularmente matriculados na rede municipal, às crianças que concluíram o 5º ano do Ensino Fundamental no município em 2020 e, também, aos alunos concluintes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) no ano passado. O benefício será pago até o início do ano letivo de 2021.

“Criamos, de forma pioneira, o Cartão Merenda, como forma de garantir que nossos alunos da rede municipal tivessem alimentação adequada durante a suspensão das aulas presenciais devido à pandemia. Meu compromisso é o de manter a recarga do benefício até o retorno das atividades presenciais, quando os alunos voltarão a fazer suas refeições nas escolas. Não se trata de um gasto extra, mas de um investimento necessário para a segurança alimentar dessas crianças”, explica o prefeito Orlando Morando.

O auxílio é cumulativo para famílias que possuem mais de um aluno matriculado na rede. Em torno de 70 mil cartões (bandeira Alelo) estão em posse dos pais e responsáveis. A cada recarga, o investimento municipal é de R$ 7 milhões, totalizando, até o momento, R$ 70 milhões em recursos já destinados às famílias dos alunos da rede de municipal de ensino durante os últimos dez meses. Os pagamentos foram realizados em 25/04, 25/05, 25/06, 17/07, 25/08, 25/09, 11/10, 12/11, 18/12 e 18/01.

RETORNO DAS AULAS – O calendário da Educação municipal estabelece, até o momento, o retorno das aulas presenciais em dois momentos em São Bernardo: 18 de fevereiro na rede privada e 1º de março nas instituições públicas de ensino (municipais e estaduais). A Administração avalia a evolução da pandemia rotineiramente para a manutenção ou possível revisão das datas. Desde a suspensão das aulas presenciais em São Bernardo, em março de 2020, os estudantes passaram realizar as atividades educacionais por meio do ensino remoto.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.